Será absurdo? Jornal Estadão assume apoiar José Serra

OpiniãoNão caro leitor, esse post não se trata de propaganda política gratuita ou muito menos tem a pretensão de dizer em quem você deve votar, a questão que levantaremos aqui é sobre a postura do jornal Estadão ao assumir publicamente seu apoio político a determinado candidato a presidência, no caso, José Serra.

O jornal Estadão soltou uma nota editorial assumindo explicitamente que apoiava o candidato e inclusive, dando motivos do porque desse apoio, posicionamento que já podia ser notado na cobertura jornalística tendenciosa que o jornal havia fazendo nas eleições 2010, segundo alguns jornais relataram. (confira o link para a nota no final do post)

Aparentemente essa nota foi soltada como uma forma de confirmar a cobertura que estava sendo feita e talvez tenha sido uma forma do jornal de ser transparente com seu leitor, você achou isso um absurdo? Mas eu não, continue lendo.

A imparcialidade jornalística, muito defendida e pregada no mundo do jornalismo é um conceito muito bacana mas que na prática é uma utopia, que muitas vezes possui um viés bastante hipócrita.

Sabemos muito bem que um jornal depende de vários fatores para se manter funcionando, entre eles, fatores políticos e econômicos, como venda de publicidade, acordos comerciais para otimizar os lucros ou outros processos (ainda mais na era digital, é quase um pré-requisito para sobreviver). A instituição “jornal/imprensa” muitas vezes se vê dependente de vários fatores (como qualquer outra indústria capitalista) capazes de afetar seu processo de produção, que no caso de uma redação, é a notícia.

Devido a isso, dificilmente teremos uma notícia que fale mal de um grande anunciante, parceiro político ou empresarial, ou seja, do “ganha pão” do jornal e por motivos óbvios. Veja bem, não que isso seja culpa do jornalista, mas dificilmente esse tipo de conteúdo iria passar pelo crivo de seu superior , que provavelmente também é um…jornalista, e “ir ao ar”, mas enfim, continuemos com o raciocínio.

Muitos consideram a publicidade como perigosa e manipuladora de massas, uma vilã que prega o consumismo e tenta arruinar famílias financeiramente, será que o jornalismo imparcial é muito melhor que isso?

Uma breve análise de posicionamento de discursos: a publicidade vende explicitamente o produto, você sabe que ela só quer, invariavelmente, lhe convencer a comprar algo. E o jornal caro leitor?

O jornal, aclamadamente imparcial, veicula suas notícias livres de qualquer inclinação, influência externa ou ideologia, certo? Bom, deveria ser assim, mas na prática nós sabemos que não é assim que acontece, pelos motivos citados anteriormente e a nota do Estadão é uma máxima representativa disso.

Então qual é o problema de um jornal assumir publicamente sua opinião? Ao meu ver, nenhum. Será algo tão absurdo assim?

Na verdade, na minha opinião, o mundo jornalístico seria muito mais transparente e idôneo se assumisse publicamente suas opiniões e posicionamentos a respeito de determinada figura pública, empresa ou fato cotidiano.

Você não acharia melhor saber explicitamente que aquele jornal segue esse tipo de linha editorial do que ser manipulado sem saber, na surdina, pela suposta imparcialidade tão defendida pelos meios de comunicação? Não custa nada veicular uma notícia com uma nota de opinião pessoal no final.

Hoje em dia parece se ter um grande problema em relação a expor sua opinião, os meios de comunicação são um grande reflexo disso. A questão é que com isso o povo está esquecendo aos poucos que é bom ter opinião, seja ela certa ou errada. Opinião é capaz de gerar debate e debate gera crescimento intelectual.

A utopia jornalística de ser imparcial, poderia ser transformada em uma utopia mais saudável, não acha? Gerar opiniões no povo, debates e discussões com a veiculação explítica do posicionamento do jornal a respeito de determinado tema seria muito mais justo e transparente com o seu leitor.

Se você eventualmente discordasse da opinião de um jornal, não ficaria tentado em mandar uma carta/email/sinal de fumaça para expor a sua opinião, ou até mesmo debater com um amigo? Já imaginou como a opinião pública cresceria? Enfim, se a essência do jornalismo é a de mexer com a opinião pública, não deveria ter nada de errado em expor seu próprio posicionamento diante dos fatos.

O jornal sem dúvida errou ao demorar a assumir seu apoio ao candidato explicitamente durante sua cobertura, pois isso de certa forma prejudicou o seu leitor. Entretanto, se redimiu ao ter uma postura rebelde e quase revolucionária no mundo jornalístico, dar sua opinião, e essa atitude do Estadão, merece admiração e não recriminação.

Quem sabe um dia as coisas não se tornem verdadeiramente transparentes, não é mesmo caro leitor?

Fontes:

@Estadão

4 thoughts on “Será absurdo? Jornal Estadão assume apoiar José Serra

  1. Pingback: Fomos elogiar…Estadão se contradiz e censura jornalista | Crítica Privada

  2. concordo plenamente!

    Vamos acabar com a hipocrisia. Porque não assumir as preferências?
    Para mim O Estadão só ganhou pontos e confiabilidade. Agora posso ler e triar a que leio, posso analisar criticamente. Pena que os outros meios de comunicação (TV e rádio) tenham mais dificuldades para agir igualmente.

  3. Adorei o tom maduro do texto.
    A única coisa que discordo um pouquinho é afirmar que seria “melhor” se o jornalismo fosse imparcial e objetivo. Eu acho, ao contrário, que ser “parcial” é a melhor forma de gerar o debate. Agora, isso só acontece se vivermos num país no qual seus cidadãos podem ser críticos em relação ao que é veiculado na mídia, ou seja, quando a grande maioria tem acesso a boas escolas.

  4. Nunca havia pensado dessa forma. Quando li o começo, achei erradíssimo da parte do jornal tomar esse tipo de posição. Ainda mais o Estadão! Mas lendo tudo, vi que concordo com o que vc disse. Hoje, as pessoas estão alienadas, são levadas facilmente pelo que leem nos jornais e revistas. Quando vc lê ou ouve algo que vai contra o que vc pensa, obviamente vc busca levantar questões sobre aquilo e isso gera um debate saudável (quando não levado ao extremo) para a mente e a opinião pública.
    Vlw por me fazer ver de outra forma!

Comente!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s