Fomos elogiar…Estadão se contradiz e censura jornalista

EstadaoDepois de ter elogiado a postura do jornal Estadão ao deixar bem claro ao seus leitores ao apoiar a candidatura de José Serra, ocorre um fato inesperado. Devido a um artigo escrito pela jornalista Maria Rita Kehl, intitulado de “Dois pesos” (veja trechos) em que ela expressava sua opinião política a respeito de determinado assunto, o jornal decidiu demitir a jornalista.

Segundo o Estadão a medida foi tomada devido a repercussão que o artigo teve, que não agradou nem um pouco a empresa. De certa forma isso reforça o que falamos sobre a influência de fatores externos afetarem a tão defendida imparcialidade na veiculação das notícias no post sobre o Estadão.

Sem entrarmos no mérito de avaliar o conteúdo da matéria escrita, seja ele positivo ou não, quando achamos que as coisas estariam melhorando e que o Estadão tinha “dado um passo a frente” para ampliar uma visão crítica de seus leitores, ele simplesmente retrocede e se joga no abismo. A imparcialidade na verdade não existe, essa atitude além de censura, é a máxima do que falei anteriormente.

O único pesar, sou eu, como autor do Crítica Privada, ter que voltar atrás por ter elogiado um meio de comunicação devido a uma atitude com um posicionamento tão contraditório sobre um mesmo assunto: expressão das opiniões nas matérias jornalísticas. Será mesmo que uma matéria é pior que toda essa “fúria” despertada por boa parte da internet a respeito da censura feita pelo jornal? Olha, eu sou um leigo, mas acho que o departamento de relações públicas deve estar trabalhando bastante agora.

@Terra

Comente!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s