Reflexão cotidiana, palavras cortantes, continue andando

Palavras cortantes iluminam o meu caminho…como navalhas em fio, que abrem as agruras da alma sem piedade e dão a luz ao novo amanhecer. Um novo desenrolar aparece…ah, essas palavras…tão belamente ácidas e vis que soam como uma melodia antiga e já bem conhecida…me lembrando os bons e velhos tempos longínquos em que a vida parecia pó…me deixando absorto em pensamentos até ser confrontado por essa chuva cinzenta mais uma vez…e acordar para o tempo em que estava, o tempo de soltar na próxima estação e continuar seguindo em frente. Apenas…continue andando.

Comente!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s