Registros históricos, fotos do festival de Woodstock

O festival de Woodstock, símbolo histórico do rock e das viagens de ácido, um evento que não se conseguiu jamais se reproduzir de uma forma tão lendária, que já teve grandes mestres como Jimi Hendrix, Joe Cocker e Santana tocando para milhares de pessoas que não se importavam com o mal tempo, a falta de estrutura do evento nem a falta de lugar pra dormir, apenas queriam saber da música. Como se a vida e a música fossem algo simples em que exigiam apenas contemplação, milhares de pessoas integraram o festival.

Algo que a minha geração vem perdendo é o amor pela boa música dando espaço para a música do entretenimento, aquela que está preocupada em apenas ter uma melodia dançante, uma letra rasa e repetida para fazer muito dinheiro com isso.

Gostos musicais a parte, infelizmente até mesmo o rock já não é o mesmo e apesar de eu condenar os exageros maléficos das drogas que muitos artistas e fãs praticaram nessa época, ficou um registro histórico que me dá uma sensação de nostalgia sem nunca ter estado lá, da música cantada com sentimento e feita por prazer.

Essa galeria de fotografias representa um registro histórico do festival de Woodstock, da primeira edição se não me engano, que ocorreu em 1969.

woodstock01

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

woodstock

E para fechar, um vídeo com o que muitos consideram a melhor perfomance do Joe Cocker até hoje, cantando uma música dos Beatles, With a little help from my friends:

17 thoughts on “Registros históricos, fotos do festival de Woodstock

  1. Uma observação: Vc menciona que as fotos são um registro da primeira edição do Festival de Woodstock, o que é um equívoco porque insinua que houve outras edições. Na verdade, foi uma só, em agosto de 1969. Posteriormente, em 1999 foi realizado um outro festival, em comemoração aos 30 anos de Woodstock, o que não foi uma boa idéia. Em 1969, havia um público estimado entre 300.000 a maio milhão de pessoas… e não houve nenhum ato de violência; já em 1999, a festa não chegou ao fim. Teve de ser cancelada na metade, por força dos tumultos verificados, que culminaram com um incêndio provocado. É, os tempos eram outros!

    • Houve uma segunda edição em 1994, e outra em 1999 que ocorreu o incidente, mas nenhuma delas, nem outros eventos, chegaram perto ao que foi o Woodstock de 1969. Os tempos eram outros mesmo, em 1969 as pessoas se preocupavam em curtir a música, a de 1999 já mostrou que houve uma mudança no público. Obrigado por acrescentar, Abraço

      • Queira desculpar, Juan, vc está certo e eu cometi um equívoco por ignorar a realização do Woodstock em 1994. Não obstante, ainda penso que o de 1969 não teve nem terá similares, como vc mesmo diz. Meu pai viveu intensamente aquela época e desde pequeno fui acostumado a ouvir com ele os LPs do evento, já que no início dos anos ’80 os CDs apenas haviam começado a aparecer. Além de J. Cocker, destaco a apresentação de Carlos Santana, Hendrix (que encerrou o Festival) e… tantos que nem dá para mencionar.
        Para concluir este comentário, que já vai muito longo, quisera ressaltar que a Paz foi a tônica do Festival. “Paz e Amor”, que foi o símbolo, juntamente com os dedos indicador e médio formando um “V”. Seria bom ter nascido naquela época.
        Abraço!

        • Que isso, também erro as vezes por aqui e os leitores sempre acrescentam nos posts, é bacana essa interação. Eu também gostaria de ter aproveitado essa época, Santana continua sendo um guitarrista sensacional até hoje e o Hendrix será a eterna lenda, pena que foi embora cedo. O festival de 1969 não representou apenas o rock mas uma ideologia de paz e simplicidade que muitos infelizmente parecem ter esquecido hoje em dia, mas quem sabe um dia o Rock não volte a ser o que era e ter um pouco mais de atenção? Não custa ter esperanças. Abraço

  2. eu estava vendo as fotos e imaginando justamente essa música do final. veio na mesma hora. que legal! parabéns pelo post.

    • Que bom que curtiu! Concordo, essa música também é uma das primeiras que me vem a mente ao falar de Woodstock, a lendária performance de Joe Cocker deixou a música melhor que a versão original dos Beatles.

  3. adorei as fotos,

    eu acho que vi na VH1 falando sobre woodstock em 99, o que aconteceu lá nem chega perto o q aconteceu em 69 ,

    tem um filme muito bom que vc pode fazer um pots sobre: Aconteceu em Woodstock

    • Tenho procurado muito mas n encontro nada sobre Woodstock,( nem o documentario nem esse filme q vc falou) vc sabe aonde encontro pra baixar ou alguma coisa assim???

  4. nostalgia de algo que nao vivi, mas gostaria muito de ter sentido e participado, nao só do festival, mas de toda uma geração

    sinto vontade de chorar quando penso nessa epoca mediocre que vivemos hoje em dia, de mulheres artificiais e playboyzinhos

  5. É ISSO AÍ!!! U ÚNICO WOODSTOCK MESMO FOI O DE 69, OS OUTROS NEM CONTAM. FOI NA DÉCADA DE 60 QUE O ROCK AMADURECEU COM A GUITARRA DE JIMMY HENDRIX E AS CANÇÕES DOS OUTROS ARTISTAS QUE TOCARAM LÁ TAMBÉM.

  6. EXELENTE POST MEU VELHO. É DISSO QUE PRECISAMOS, RELEMBRAR OS FATOS HISTÓRICOS QUE MARCARAM A HUMANIDADE. PARABÉNS.

  7. É uma pena que a cada dia que passa, estes acontecimentos estão sendo esquecidos! Hoje em dia gostaria de saber, se há, em algum lugar, algo parecido com o rock verdadeiro que era tocado na época! Por que será que até hoje são tocados, os chamados “CLASSIC ROCK” em bares, eventos motociclísticos e coisa do gênero? Resposta: porque tocavam rock de verdade, com vontade e com os poucos recursos da época, faziam miséria com seus humildes instrumentos…. Fico chateado pela nova geração que é uma mistura eletrônica e as vezes, nem são os, se podem ser chamados assim, ARTISTAS, que “tocam”… vocês da antiga me entendem, né?

    Um Forte abraço a todos vocês e enquanto estivemos vivos, nossa herança rockeira nunca morrerá!!!!!

  8. O evento “WOODSTOCK” só teve UM! É como dizer que o “OASIS”, blahhhh, é os Beatles de hoje! Segundo Baixista desta banda maravilhosa que vocês sabem o nome da fera, o “OASIS”, blahhhhh, não chega e nunca chegará embaixo da terra onde nós quatro pisamom, quanto menos aos nossos pés! É isso aí PAUL!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  9. Olá , eu estive no mes passado na cidade de Woodstock.ainda existe uma atmosfera ,uma energia diferente no local.ainda existem hippies que fotrm ao festival em 69 e por lá ficaram.foi um momento inesquecível.já que ná época do festival eu era menor de idade Morava em Long Island,New York e assisti pela TV os noticiarios,takes e alguns shows.em breve colocarei as fotos de Woodstock na minha página do Facebook, fiquem à vontade para olhar e comentar. procure por GILSON ANDERSON .aparece minha foto com a estatua da liberdade atras. abraço a todos!

Comente!

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s